Opinião do editor - Basta não ser estúpido.

Os PT, seus satélites e aliados fixos e eventuais não querem aprovar o plebiscito das estatais. Eles querem desgastar o governo, como asfixiar o caixa e atrasar a folha por um mês inteiro.

Como se sabe, o déficit orçamentário previsto para este ano é de R$ 3 bilhões e seria reduzido com a adesão ao Plano de Recuperação Fiscal (PRF). Como houve um déficit de R$ 700 milhões  até maio, o total do rombo entre junho a dezembro será de R$ 2,3 bilhões, uma média de R$ 330 milhões mensais.  

Se não houver adesão ao PRF, o atraso da folha vai emendar um mês no outro. Tudo isso, sem falar da crise da CEEE, onde o Estado tem que colocar um dinheiro que não tem para mantê-la viva. 

A receita estadual está crescendo menos do que a despesa, principalmente a de pessoal, que avançou 10% (nominais) sobre igual período do ano anterior.

A questão é de números.

Para fazer as contas, basta não ser estúpido.