Militares teriam avisado Temer que acabou seu tempo no Planalto

As opções são Maia ou os militares ?

A mídia esquerdalha de hoje garante que o Fora Temer tornou-se quase unanimidade dentro do Exército.

Gente ligada ao PT, como Moniz Bandeira, uniu-se aos grupos de direita que clamam pelos militares.

O seguinte recado já teria chegado a alguns parlamentares e ministros: 

- Temer precisa deixar o governo para preservar  o país.

Os militares aceitam Rodrigo Maia como presidente até as eleições do ano que vem.

Isto ajudaria a explicar o recente  mau humor de Maia com Temer.

Aldo Rabello, ex-PCdoB, filia-se ao PSB na terça em ato no Congresso

O comunista foi ministro da Defesa e ficou amigo dos miliares. Ele seria o vice de Rodrigo Mai.

O ex-ministro dos governos Lula e Dilma, Aldo Rebelo, que foi filiado por décadas ao PCdoB, se filiará ao PSB no dia 26, terça-feira, às 14h, no Salão Vermelho, da Câmara Federal.

Além da proximidade que desenvolveu com o vice-governador de SP,  Márcio França, pesou na decisão do ex-ministro para a sua saída da legenda comunista, uma suposta solicitação de generais com que tem conversas frequentes.

A saída de Temer levaria Rodrigo Maia a assumir a presidência. E Aldo Rebelo seria a sugestão dos militares para vice presidente da República.

Caixa só financiará 50% do valor de imóvel usado

A Caixa Econômica Federal voltará a reduzir o teto de financiamento de imóveis usados e suspenderá novos contratos transferidos de outros bancos; o banco estatal limitará o teto de financiamento para imóveis usados para 50% do valor do imóvel

DEM avalia Doria em candidatura própria

Prefeito de São Paulo se apresentou abertamente como candidato a presidente em um jantar, anteontem, com líderes do partido aliado

É o que conta o repórter Pedro Venceslau no jornal O Estado de S. Paulo de hoje.

Leia tudo:

Aliado do PSDB desde o primeiro mandato presidencial de Fernando Henrique Cardoso (1995-2003), o DEM decidiu que não será mais linha auxiliar dos tucanos na disputa pelo Palácio do Planalto em 2018. Segundo um integrante da sigla, foi com essa premissa que a cúpula do partido desembarcou nesta quinta-feira, 21, em São Paulo para um jantar na casa do prefeito tucano João Doria.

No momento em que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ), é o fiador da estabilidade política do governo federal e espera ampliar a bancada de 31 para 50 deputados na Câmara, o DEM passou a ver em Doria um caminho para o protagonismo.


No encontro, segundo relato de participantes, o prefeito se apresentou abertamente como pré-candidato, embora tenha o tempo todo ressaltado o “respeito e a amizade” ao governador Geraldo Alckmin, seu padrinho político.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

RS começa a colher safra 26,7% menor de trigo

O RS começou a colher trigo da sua safra de inverno, com quebra de pelo menos 26,7%. Desta forma, a produção gaúcha será de 1,8 milhão de toneladas.

Carris poderá deixar de existir ou de ser estatal a partir de janeiro

O prefeito Marchezan Júnior quer mandar até o final do atual ano legislativo, 23 de dezembro, a proposta de privatização, licitação das linhas ou venda do patrimônio da Carris.

A estatal consumirá R$ 51 milhões do Tesouro par cobrir seu déficit, que é recorrente.

O prefeito prometeu tomar uma decisão ao final de um ano de observação.

Istoé revela reunião do Alto Comando do Exército sobre intervenção militar no País

Em reportagem intitulada "O risco da radicalização", a revista Istoé de hoje revela que em reunião realizada na surdina com a presença do Alto Comando do Exército, em que se discutiu a possibilidade de uma intervenção militar no País, a voz do general Antonio Hamilton Martins Mourão, com notas extremistas, demonstrou que não é isolada na caserna.

Leia a reportagem:


Segunda-feira, 11, às 9h, o ar estava seco e o tempo quente em Brasília, a despeito de ainda ser inverno no País. Nesse exato instante, o Comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, fazia a abertura formal da 314ª reunião do Alto Comando do Exército, realizada no Quartel General do Exército, em Brasília. O encontro, de cinco dias de duração, foi convocado para discutir os problemas que afligem os militares, entre os quais, a crise política do País e a falta de recursos para manter soldados nas casernas e garantir as atividades básicas da força, alvo de um significativo contingenciamento de verbas do governo federal. Os generais que comandam as tropas nas principais unidades do Exército demonstravam inquietação. Sentiam a necessidade de se posicionar sobre a corrupção e a barafunda reinante nos poderes da República. Mas a pauta, por assim dizer, foi extrapolada, ultrapassando as fronteiras do razoável.

CLIQUE AQUI pra ler tudo.

Black blocs atacam manifestantes LGBT e são presos em SP

Na última segunda-feira, a Justiça do DF passou a permitir que psicólogos tratem a população LGBT como doentes, liberando a realização de "terapias de reversão". Esse tipo de tratamento era proibido desde 1999 por uma resolução do Conselho Federal de Psicologia.

A polícia paulista prendeu ontem, a noite dois suspeitos de serem black blocs durante os protestos dos movimentos LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais) contra a decisão de um juiz do Distrito Federal que liberou as terapias de reversão, também conhecida como "cura gay"(foto acima).

Fio na Avenida Paulista. Eles estavam atirando garrafas com conteúdo líquido nos policiais e nas pessoas que participavam da manifestação.

Os jovens estavam em grupo de cerca de 20 pessoas, que começou a realizar atos de vandalismo durante o protesto e dispersou com a aproximação de policiais.

Lula virá em caravana ao Sul antes do final do ano

A Folha de hoje diz que Lula fará uma caravana pelos Estados do Sul neste último trimestre. Ele faria isto apenas em 2018, mas o PT quer reforçar  sua candidatura presidencial.

A visita inclui Porto Alegre.

Morreu o publicitário Luis Salles

O publicitário Luis Salles morreu  em São Paulo, aos 83 anos.

Celso de Mello autoriza abertura de inquérito contra Lindbergh Farias, senador do PT

Investigação é desdobramento da Operação Lava Jato e tramita em sigilo desde novembro de 2016

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a abertura de um inquérito contra o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) e outras três pessoas para investigar indícios de corrupção passiva.

O caso é um desdobramento da Operação Lava Jato e tramita sob segredo de Justiça no STF desde novembro de 2016.

Sábado começa sangrento em Porto Alegre

Dois cidadãos gaúchos foram assassinados por bandidos neste início de manhã em Porto Alegre, um, no Sarandi e outro no Passo das Pedras.

Ex-JN e ex-Playboy, Valeria Monteiro lança candidatura à presidência da República

A jornalista mineira Valéria Monteiro, ex-apresentadora do Jornal Nacional, quer suceder Michel Temer. Ela acaba de lançar sua candidatura através de vídeo.

A jornalista já foi reportagem decapa de Playboy (ao lado).

Na sua fala, diz Valéria, que ainda não tem Partido:


– Você acha que a política não tem mais jeito. E aí? Vai deixar nas mãos dos bandidos, dos amigos, dos herdeiros deles? 

E convida:

- Vem fazer ativismo político comigo. Sou pré-candidata à Presidência... da República. É sério.

CLIQUE AQUI para ver vídeo sobre o caso.

Cai diretor do Daer, Saul Sastre

Caiu o diretor de Administração e Finanças do Daer,RS,  Saul Sastre. Ele pediu exoneração do cargo nesta sexta-feira, após a conclusão de uma sindicância instalada para investigar a terceirização do serviço de protocolo da autarquia, iniciativa que foi liderada por ele, com assinatura de contrato em junho de 2016.

A PGE, responsável pela sindicância, recomendou o afastamento do diretor.

Ele também responderá a processo judicial.

Projeto que aumenta o IPTU de Porto Alegre será votado segunda-feira

Segundo a prefeitura, o repasse do reajuste causado pela mudança na lei será distribuído ao longo de quatro anos, com um limitador de 30% de aumento ao ano nos primeiros três anos.

A Câmara de Vereadores votará segunda-feira o projeto de lei que altera a Lei Complementar 7/1973  e o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) na Capital. A matéria corrige a chamada planta genérica de valores (que estipula o valor venal dos imóveis) e define critérios para correções futuras destes valores; extingue a alíquota única atual, de 0,85%, e cria seis alíquotas, que variam de 0% a 0,8%, conforme o valor da propriedade. O projeto ainda modifica a sistemática de isenções para o pagamento do tributo.


O projeto propõe que a planta genérica de valores seja atualizada a cada quatro anos, com uma faixa de isenção (alíquota de 0%) para imóveis de valor venal de até R$ 60 mil. A alíquota única atual, de 0,85%, deixa de existir. As demais alíquotas serão de 0,4% a 0,8%, conforme o valor do imóvel. 

A cada 6 horas um ônibus é assaltado em Porto Alegre

A cada 6 horas, 24 horas por dia, inclusive sábados e domingos, um ônibus foi assaltado durante o mês de agosto em Porto Alegre.

Os dados são da polícia.

Sábado será de temperatura amena e tempo instável no RS

Porto Alegre, 8h30min, 17 graus

Pode chover ou garoar em parte do dia na maioria das regiões do RS neste sábado. Porto Alegre amanheceu encoberta, com a temperatura já em elevação.

Uma frente fria se desloca pelo Estado. 

As temperaturas mínimas rondaram os 11°C em Uruguaiana e os 12°C em São José dos Ausentes. As máximas, por sua vez, podem chegar a 22°C em Erechim e a 24°C em municípios da Fronteira, como Uruguaiana. 

Em Porto Alegre, os termômetros variarão entre 15°C e 20°C.

STF nega habeas aos irmãos Batista

O ministro Gilmar Mendes negou habeas corpus aos irmãos Joesley e Wesley Batista

Câmara não fatiará denúncias contra Temer, Padilha e Moreira Franco

A Câmara acaba de decidir que vai analisar conjuntamente –sem fatiar– a denúncia contra Michel Temer, Eliseu Padilha e Moreira Franco.

PT amarela e apenas suspende filiação de Palocci

O diretório nacional do PT decidiu suspender Antonio Palocci por 60 dias.

Caso Palocci fale mais, tomará outros 60 dias.

E se falar muito, emplacará 60 dias.

Caso fale tudo, só então poderá ser expulso.

Carnelós é o novo advogado de Temer

Eduardo Carnelósé o novo advogado do presidente Michel Temer. Ele substitui Mariz de Oliveira, que renunciou.

Saiba quem é o deputado Marcos Rogério, autor da ação no TCU contra o uso de dinheiro público pela Arte Queer

O deputado federal Marcos Rogério, 37 anos, que interpôs representação, hoje, no TCU, para proibir o uso de dinheiro público no caso da chamada Arte Queer, foi relator do processo de cassação do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha(PMDB), no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar.

Ele também quer que o TCU puna o MinC por ter dado dinheiro ao Banco Santander, que promoveu o Queermuseu em Porto Alegre. 

Marcos Rogério da Silva Brito é deputado federal pela segunda vez, ambas pelo PDT e como vice-líder do partido. Antes de chegar à Câmara dos Deputados, foi vereador por sua cidade natal, Ji-Paraná, em Rondônia.

Foi por 12 anos repórter de TV e radialista, passando pela TV Rondônia, umas das afiliadas da Rede Globo. Em 2011, pouco depois de chegar ao Legislativo, formou-se em Direito pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra).

Deputado do DEM exige que TCU proíba uso de novos recursos públicos para a chamada Arte Queer

A representação ao TCU quer proibição liminar para a liberação de recursos públicos com o objetivo de patrocinar a chamada Arte Queer (ao lado) em qualquer lugar do Brasil. E exige apuração de responsabilidades.

O deputado Marcos Rogério da Silva Brito, DEM de Rondônia, acaba de protocolar no TCU uma representação com pedido de liminar, atacando diretamente o ministério da Cultura por "ação ou omissão" no caso da satânica mostra do Queermuseu em Porto Alegre, já que o evento ocorreu com dinheiro liberado através da Lei Rouanet, administrada pelo MinC.

O deputado cita nominalmente o presidente do Banco Santander, Sérgio Rial, além do curador, Gaudênio Fidelis.

A representação do deputado do DEM replica imagens de "mostras de arte" que reproduzem cenas de pedofilia, zoofilia, pederastia, pornografia e vilania contra símbolos, entes e elementos da liturgia católica.

CLIQUE AQUI para examinar toda a representação.

Índios kaingangs incendeiam casas e carros, matam e levam pânico ao município de Charrua, RS

O presidente da Funai, Franklimberg de Freitas esteve hoje em Porto Alegre e prometeu ajuda. Por mediação do deputado Jerônimo Goergen, Franklimberg reuniu-se com BM e PF, que prometeram reforçar o policiamento e ajudar na reconstrução das casas incendiadas. 

Nem mesmo tropas da Brigada Militar e efetivos da Polícia Federal conseguiram conter a onda de saques, assassinatos, destruição e ameaças que sacodem há 30 dias o município gaúcho de Charrua, Norte do Estado, 300 quilômetros de Porto Alegre, tudo por conta de um enfrentamento entre grupos rivais Kaigangs.

Os sublevados são da Aldeia Ligeiro e a guerra aberta é pelo controle da área.

O prefeito Valdesio Roque Della Betta não sabe mais o que fazer. Ele suspendeu as aulas e pediu reforço policial para conter a fúria dos indígenas, que já queimaram dezenas de carros e casas. No domingo, um dos líderes dos kaingangs foi morto a tiros.

Indústria da construção civil piora mais do que imaginava o Banco Central

Conforme o editor informou esta manhã (leia abaixo), o  relatório de inflação divulgado pelo Banco Central  traz em suas projeções uma expectativa de expressiva piora da atividade do setor da construção. 

Acontece que em junho, no relatório anterior, a autoridade monetária previa queda de 2,1% e em apenas três meses a projeção de retração subiu para 5,2%. Com esse indicativo, o BC corrobora e aprofunda movimento já detectado por outros indicadores: a construção civil caminha no sentido inverso do PIB nacional. 

O que disse hoje aJosé Carlos Martins, presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em nota que o editor acaba de receber:

- Vivemos um momento de profunda fragilidade, nossas empresas estão no limite da sobrevivência e é preciso reverter isso.

O efeito mais perverso da crise é uma potencial queda de 13% no estoque de trabalhadores em 2017, com o fechamento de mais de 320 mil vagas. Setor com capacidade para rápida geração de emprego e renda, e cuja cadeia produtiva representa 8,32% do PIB, a construção vem fechando postos de trabalho em todo o País.

Deputado do PT faz proposta ludista contra ensino à distância

O deputado Valdeci Oliveira (PT) quer proibir o funcionamento, no Rio Grande do Sul, de cursos de graduação e de nível técnico na área da saúde na modalidade de ensino à distância.

O deputado é forte candidato ao Prêmio Ludista do Ano.

CLIQUE AQUI para saber quem eram e o que defendiam os ludistas.

As pessoas estão se matando como nunca no RS.

Mas também em Santa Catarina e no Paraná, que ponteiam todas as listas,  logo atrás do RS.

O RS lidera o ranking brasileiro.

No Sul (RS, SC e Paraná) ocorrem 24% dos suicídios do Brasil, embora a região responda por apenas 14% da população.

Matam-se mais idosos, mais homens e mais índios.

As mulheres são as que mais tentam, mas são também as que menos tentam para valer.

Os dados são do ministério da Saúde.

TRF4, Porto Alegre, fulmina pedido de Okamoto para anular sentença que condenou Lula no Paraná

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) indeferiu, ontem, liminar em habeas corpus impetrado pela defesa do ex-presidente do Instituto Lula, Paulo Tarciso Okamotto, que requeria a anulação da sentença no processo que apurou a propriedade do apartamento triplex no Guarujá.
Proferida em julho deste ano, a decisão absolveu Okamotto de lavagem de dinheiro em relação ao armazenamento do acervo presidencial por falta de provas suficientes.

O relator do caso, desembargador Gebran Neto, advertiu Okamoto e a defesa de Lula sobre o uso exagerado de pedidos de habeas corpus. 

CLIQUE AQUI para ler mais e saber da contrariedade de Gebran Neto.

Casos de Temer x Padilha+Moreira Franco podem ser examinados separadamente pela Câmara

O Estadão de hoje informa que a Mesa Diretora da Câmara, a mando de Rodrigo Maia, DEM,  pediu parecer da consultoria jurídica para decidir se vai separar a análise da denúncia contra Michel Temer do pedido da PGR para investigar Eliseu Padilha e Moreira Franco.

Temer e os ministros são acusados de obstrução da Justiça e organização criminosa.


Segundo interpretação do Supremo nos anos 90, ministros acusados de crime conexo ao do presidente no exercício do mandato, também precisam de autorização da Câmara para ser processados. 

Moreira Franco e Padilha temem rodar na Câmara, caso ela entenda de separar os casos.

Gol retomará voos Porto Alegre-Montevidéu em dezembro

A partir  de 16 de dezembro, a Gol retomará seus voos  da rota entre Porto Alegre e Montevidéu. Os voos serão operados com aeronaves Boeing 737-800, com capacidade para até 177 passageiros. 

Haverá voos às terças, às quintas e aos sábados 

Porto Alegre a Montevidéu, 15h 

Montevidéu a Porto Alegre, 13h

Há furtos de peças na Carris, diz Marchezan Júnior

Tem gente furtando peças na Carris, a maior empresa de transporte de passageiros de Porto Alegre, que é pública.

É o que diz o prefeito Marchezan Júnior.

O crime existe e é recorrente na Carris.

Opinião do editor - Moro diz que ordem é combater corrupção sistêmica, como a que montou o PT

Ontem a noite, falando para 200 pessoas na abertura do 10o Congressio Brasileiro de Direito e Economia, na Unisinos, o juiz Sérgio Moro tocou no ponto que talvez seja o mais decisivo no combate à corrupção:
- Temos que trabalhar para que ela não seja sistêmica.
Como se sabe, a corrupção é crime recorrente, sempre aconteceu, acontece e acontecerá, mas é raro que ela ocorra por força de quadrilhas organizadas, portanto de modo sistêmico.
No Brasil, em 500 anos, a corrupção só foi o foco de uma organização criminosa, o PT, portanto foi sistêmica, durante os governos Lula e Dilma Roussef.
É isto.
E é o que caracteriza a importância histórica da Lava Jato, que desmontou a quadrilha e o sistema.

Opinião do editor - Não estamos mais sozinhos

Abrigados na mídia tradicional, na academia, na chamada inteligência e nos partidos, sindicatos e entidades esquerdistas, os inimigos da ordem social já são confrontados pela maioria silenciosa, que botou a cara e as tropas na rua.

Uma série de ações e decisões corajosas e corretas empreendidas no âmbito da Justiça, corroboram a ideia de que a sociedade brasileira está despertando para a necessidade de trancar o passo dos renegados sociais que corrompem, desmoralizam, desorganizam e depravam os valores sociais, morais, portanto éticos, que dão sentido à vida em sociedade e garantem a perpetuação da espécie.

No caso brasileiro, não se trata apenas da corrupção, da violência urbana, do caos do sistema de saúde, da mediocridade do ensino, mas da amoralidade desbragada, que conduz inevitavelmente à desagregação nacional.

Sem precisar recorrer à Justiça, a reação de milhares de brasileiros pelas redes sociais, conseguiu acabar com a exposição “Queermuseu – Cartografias da diferença na arte brasileira”, que estava no Santander Cultural, em Porto Alegre (RS). Foi posta para fora do RS a mostra, que reuniu 273 obras de 90 artistas brasileiros, muitas das quais caricaturando a fé católica e a concepção de moral judaico-cristã e greco-romana da civilização ocidental, que é a nossa.

Assim, esta reação da sociedade diante da desordem social e moral, ética, não surpreende que esteja plugada em demandas judiciais que ocorrem no momento mesmo em que um general do Exército, Antônio Hamilton Martins Mourão, afirma claramente que as Forças Armadas estão preparadas para intervir militarmente, caso o Judiciário não consiga resolver “o problema político”, referindo-se à corrupção e à imoralidade que grassam no país. 

Com uma ferramenta que não existia, as redes sociais, a maioria silenciosa passou a confrontar a escumalha e lidera a reação.

E com êxito. 

Temer ainda não escolheu novo advogado. Mariz de Oliveira renunciou.

O presidente Michel Temer ainda nada disse sobre a decisão de seu advogado de renunciar à procuração que recebeu para defendê-lo.

Antonio Mariz de Oliveira alegou que por questões éticas não poderia mais atuar nos casos do presidente, sobretudo em relação a delações feitas pelo doleiro Lúcio Funaro, de quem também foi advogado.