Doleiro, irmão de Athos Cordeiro, repassava propinas da Odebrecht para políticos do RS

Toninho, o irmão do empreiteiro Athos Cordeiro, segundo a PF, teria lavado dinheiro de suborno proveniente destas obra:

- Ramal do Trensurb (entre São Leopoldo e Novo Hamburgo).
- Terceira Perimetral de Porto Alegre. 

Ele admitiu ter repassado quantias a pedido da Odebrecht para emissários de políticos indicados pela empreiteira, mas garantiu, em depoimento, que não sabia quem eram os políticos — apenas entregava o dinheiro, em malas.

Athos Cordeiro e Areop são alvos da nova etapa da Lava Jato

A nova etapa da Lava-Jato, centrada no Rio Grande do Sul nesta quarta-feira tem como principais alvos:

- Athos Albernaz Cordeiro, ex-presidente do Sindicato da Indústria de Construção de Estradas, Pavimentações e Obras de Terraplanagem do Estado (Sicepot-RS). Empresas ligadas a ele foram alvo de busca e apreensão pela Polícia Federal (PF) nesta manhã. Ninguém foi preso.
 - O irmão de Athos, o doleiro Antônio Cláudio Albernaz Cordeiro (conhecido como Toninho Cordeiro). 
 - STE Engenharia (Serviços Técnicos de Engenharia), com escritório em Canoas e projetista de diversas grandes obras no Rio Grande do Sul. 
- Associação Riograndense de Empreiteiros de Obras Públicas (Areop).


Mercado de juros vai cair em função do anúncio de nova queda da inflação

O mercado de juros deve reagir ao resultado do IGP-10 de agosto, divulgado há pouco pela FGV (leia nota a seguir).

Deflação do IGP-10 em agosto foi de 0,17%

Em linha com as divulgações anteriores, o IGP-10 continua a indicar cenário favorável para a inflação nos próximos meses. O índice recuou 0,17% em agosto, de acordo com os dados divulgados há pouco pela FGV, abaixo da projeção e da mediana das expectativas dos analistas do mercado, que apontavam para queda de 0,05%. 

A deflação menos acentuada do que a observada em julho, quando tinha recuado 0,84%, foi explicada pelo avanço tanto dos preços de produtos agrícolas como dos industriais no atacado. Os preços dos produtos agropecuários passaram de uma queda de 2,52% em julho para outra de 1,56% em agosto.

CLIQUE AQUI para saber mais.

Análise - Crescimento das vendas do varejo em junho indica estabilização do PIB à frente

- Esta análise é desta manhã. Os autores são os economistas do Depec do Bradesco. O editor recomenda a leitura atenta.

As vendas do varejo cresceram na passagem de maio para junho, reforçando nossa expectativa de retomada da atividade econômica nos próximos trimestres. Nesse sentindo os indicadores antecedentes e coincidentes já conhecidos sinalizam estabilidade do PIB à frente. Para o segundo trimestre, no entanto, continuamos a esperar uma contração da atividade econômica em reflexo principalmente ao desempenho do setor de serviços. As vendas reais do comércio varejista restrito avançaram 1,2% entre maio e junho, descontados os efeitos sazonais, de acordo com o divulgado ontem pelo IBGE. Na comparação inter-anual, as vendas subiram 3,0%, mas acumulam queda de 3,0% nos últimos doze meses. 

CLIQUE AQUI para ler mais.

Magazine Luiza decide tornar mais baratas suas ações para garantir oferta de R$1 bilhão

O Magazine Luiza, que segundo o site e a newsletter Brazil Journal é a ação mais 'quente' da Bovespa este ano, decidiu desdobrar sua ação na proporção de 1 para 8, barateando o preço unitário do papel e tornando-o mais acessível a investidores pessoas físicas.

Leia o que mais conta sobre isto o editor Geraldo Samor, agora, do Brazil Journal:

A preços de ontem, o lote padrão de ações do Magazine — 100 ações — custava mais de R$ 45 mil.

A empresa espera que o 'stock split' aumente a liquidez do papel, o que pode levar eventualmente à sua inclusão em índices, trazendo ainda mais valorização.


O Fato Relevante publicado há pouco não diz se a empresa fará a oferta de ações de R$ 1 bilhão que planejava há meses.

CLIQUE AQUI para saber mais detalhes.

Opinião do editor - Por que razão somos assaltados

A falta de vigilância e policiamento inteligentes,o desemprego e a crise econômica, o afrouxamento ético e moral da sociedade, mais a permanência de desmanches que operam criminosamente no RS, continuam alimentando o roubo de carros no Estado.

O caso do desmanche depende apenas de repressão clara e imediata.

Ladrões armados rendem e roubam carro do jornalista Diego Casagrande

O jornalista gaúcho Diego Casagrande foi assaltado por três ladrões armados ontem a noite em Porto Alegre. Ele estava acompanhado do filho. Os bandidos levaram carro, carteira e celulares. 

No seu Facebook, o jornalista registrou a percepção que teve ao ser assaltado:

- A sensação de ter uma arma primeiro apontada para o teu rosto, depois colocada no teu peito e no do teu filho, além de ser revistado, é péssima. Estou temporariamente sem celular. Amanhã retorno ao trabalho na Band. Obrigado Deus, nosso grande parceiro de jornada, por mais esta benção. 

A também jornalista Fernanda Barth foi uma das primeiras a falar com Diego Casagrande, mas centenas de ouvintes e leitores do jornalista procuraram por ele para dar apoio.

Há menos de um mês, outro comunicador gaúcho, Glauco Fonseca, foi rendido na Cidade Baixa quando desem,barco do carro com a mulher. O automóvel foi roubado pelas armas e até agora a Polícia não conseguiu encontrar nada.

Pesquisa mostra que Bolsonaro (25%) está cada vez mais encostado em Lula(32%)

Pesquisa do DataPoder360 mostra Lula em primeiro lugar na disputa pelo primeiro turno da eleição presidencial, casela acontecesse hoje.

Logo atrás de Lulas está Jair Bolsonaro, 25%.

Lula e Bolsonaro registram fortes altas, caso comparem-se os números de agora com os de julho.

Em queda livre estão Alckmin e Ciro (4% cada) e Marina Silva (3%).

A margem de erro é de 3 pontos para mais e para menos.

A pesquisa sobre a qual trata esta nota, não revela a posição dos demais candidatos e registra apenas um dos cenários possíveis;.

Distritão e novo Fundo Partidário irão a voto na semana que vem

Uma das comissões especiais que debate a Reforma Política na Câmara dos Deputados encerrou, na tarde desta terça-feira o debate sobre a proposta de emenda à Constituição (PEC) que instituiu o chamado "distritão" para 2018 e a criação do fundo público de R$ 3,6 bilhões para financiamento das campanhas. O texto agora está pronto para ir à votação no plenário. A previsão é que isso ocorra somente na próxima semana, pois não há consenso sobre os temas aprovados.

Ainda funcionam na Câmara outras duas comissões que debatem mudanças no sistema político-eleitoral.

CLIQUE AQUI para entender o que é o Distritão.
CLIQUE AQUI para entender mais sobre o novo Fundo Partidário.

Assembléia aprova terceirização de vistoria nos frigoríficos

O governo estadual conseguiu aprovar na Assembléia, ontem,  mudança drástica no sistema de vistoria nas indústrias de produtos de origem animal, que agora será terceirizado. Foram 34 votos a favor e 15 contra. 

A partir de agora, médicos veterinários da iniciativa privada poderão ser contratados para realizar a inspeção em empresas que estão sob fiscalização estadual — no total, são 238.


A secretaria da Agricultura prevê regulamentação e  implementação do novo modelo a partir do início do ano que vem.

Quarta-feira será de sol nuvens e temperatura amena em Porto Alegre.

Porto Alegre, 8h35min, 13 graus

O Rio Grande do Sul registra nebulosidade nesta quarta-feira, inclusive em Porto Alegre. O céu está nublado, mas o sol deve aparecer acompanhado de nuvens ao longo do dia.

O início do dia registrou frio leve e assim serás o tempo à noite desta quarta no território gaúcho.Pela tarde, a temperatura fica amena e agradável. 

Em Porto Alegre, estas quarta será de sol e nuvens. As marcas na Capital devem ficar entre 9°C e 22°C.

Revisão de salário mínimo em 2018 cai para R$ 969,00

A decisão foi tomada ontem pelo governo Temer (leia outras medidas em nota postada logo abaixo). O governo também decidiu que os reajustes para servidores federais previstos par este semestre e 2018 foram adiados em um ano.

Lava Jato mobiliza 50 policiais federais no RS

Policiais Federais no Rio Grande do Sul deflagraram na manhã desta quarta-feira a Operação Étimo, desdobramento da 26ª fase da Lava Jato – a operação Xepa – no Estado.A investigação foi desencadeada a partir de dados obtidos durante a Operação Xepa, em março do ano passado – na ocasião, o doleiro Antônio Cláudio Albernaz Cordeiro foi preso em Porto Alegre. A PF apurou um esquema envolvendo a lavagem de dinheiro por meio de entidade associativa ligada a grandes empreiteiras. A entidade recebia das empreiteiras um percentual do valor de obras públicas realizadas no Estado.

Mais de 50 policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão em Porto Alegre, Canoas, Glorinha e em Brasília. Também foram autorizados pela Justiça Federal o sequestro de bens e o afastamento de sigilo dos investigados.

Uma entrevista coletiva às 10h detalhará informações da operação.

Eis as medidas de ajuste e de aumento de impostos anunciadas esta noite pelo governo Temer

O governo vai propor ao Congresso elevar o teto para o rombo das contas públicas em 2017 e 2018, para R$ 159 bilhões.

Ao lado, o gráfico mostra a queda das receitas primárias em relação ao PIB.

O governo anunciou nesta esta noite uma série de medidas que visam a redução de custos, entre elas:

-  Adiamento, por um ano, do reajuste prometido a servidores a partir de janeiro de 2018.

-  Reestruturação das carreiras do Executivo, extinção de 60 mil cargos, limitação dos valores de auxílio moradia.

-  Reoneração das Folhas de Pagamento para todos as empresas que estavam fora da medida.

-  A instituição de teto salarial no serviço público, que não poderá ultrapassar os R$ 33,4 mil pagos a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

- Mudança na tributação sobre fundos de investimento fechados, que passarão a ser tributados anualmente, como já é feito com os fundos abertos.

-  Congelamento do benefício para exportadores no ano que vem, por meio do chamado Reintegra.

- Aumento da tributação sobre a folha de pagamentos, que já havia sido anunciada neste ano, mas que ainda não passou pelo Congresso Nacional. O governo espera reonerar o setor produtivo, e arrecadar R$ 4 bilhões a mais no ano que vem

Mudanças em tributos: 

Somente com a mudança em tributos, o governo espera arrecadar R$ 14,5 bilhões a mais no ano que vem.

Corregedor Nacional de Justiça suspende pagamentos milionários a juízes

O ministro João Otávio de Noronha, que é corregedor-nacional de Justiça, disse estatardeque não autorizou o pagamento de valores vultosos feitos pelo TJ do Mato Grosso a 84 magistrados, referentes a indenizações de funções exercidas em tribunais superiores, entre 2005 e 2009.

A declaração do corregedor foi passada ao Estadeão e  desmente informação do próprio TJMT.


João OtávioNoronha determinou a abertura de pedido de providências para suspender qualquer pagamento de passivos aos magistrados, até que os fatos sejam esclarecidos.

Carlos Araújo e Dilma Roussef nunca tiveram compromisso com a verdade.

STJ mantém condenação contra Bolsonaro, que chamou Maria do Rosário de feia.

Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve nesta terça-feira (15), por unanimidade, a condenação do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) pelas ofensas dirigidas à também deputada Maria do Rosário (PT-RS).

Bolsonaro foi condenado pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJ-DF), em 2015, a pagar indenização de R$ 10 mil à petista por danos morais, mas recorreu.

Ainda segundo a decisão, Bolsonaro deveria se retratar publicamente em jornais, no Facebook e no Youtube.

Em 2014, Bolsonaro afirmou que Maria do Rosário não merecia ser estuprada porque ele a considera "muito feia" e a petista não faz o "tipo" dele. Por essa mesma declaração, o deputado é réu no Supremo Tribunal Federal (STF).

Meta fiscal para 2018 terá rombo de R$ 159 bilhões.

O rombo fiscal previsto para 2018 era de R$ 129 bilhões.

A nova meta para o ano que vem acrescentou mais R$ 30 bilhões ao bolo.

STJ julga recurso de condenação que o obriga Bolsonaro a indenizar Maria do Rosário

A Terceira Turma do STJ julga nesta tarde recurso apresentado por Jair Bolsonaro para tentar reverter decisão que o obriga a pagar R$ 10 mil de indenização a Maria do Rosário.

Em 2014, Bolsonaro disse que a deputada "não merece ser estuprada".

Maria do Rosário está no STF acompanhando o julgamento.

Ela não está de olho nos R?$ 10 mil, mas na condenação do adversário.

Sartori divide IPE em IPE Prev e IPE Saúde para salvar Previdência e Saúde do Estado

O governo estadual gaúcho confirmou nesta terça-feira a proposta de dividir o IPE em duas autarquias independentes, com autonomia e gestões especializadas: o 

- PE Prev 
- IPE Saúde. 

Com a aprovação do projeto, o atual órgão passa a ser IPE Prev, que fica como gestor único do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), com foco exclusivamente na previdência dos servidores estaduais. Para a área da saúde, será criada uma nova autarquia, chamada IPE Saúde, destinada à assistência à saúde dos servidores e beneficiários.

O governo quer que o IPE Prev seja gerido de modo a não contaminar o IPE Saúde.

O governador Sartori informou esta manhã que o déficit da previdência do RS está perto dos R$ 9 bilhõe e é ele quem mais abala as finanças estaduais.

- Sem a reestruturação do IPE, as finanças do Rio Grande do Sul se inviabilizam ainda mais.


Sartori garantiu que o plano segue sendo gerido pelo Estado, sem qualquer alteração da contribuição dos servidores, assim como do valor descontado para a previdênci:

- O que muda é a qualidade. O projeto de especialização do IPE é um conjunto de mudanças absolutamente necessárias e urgentes neste momento de travessia. A constante melhoria na gestão dos recursos públicos garantirá a retomada dos investimentos naquilo que é essencial.

Assembléia do RS adia de novo a votação de ajustes fiscais que podem acabar com a desgraça financeira do Estado

A oposição (PT, PCdoB, Psol, PPL e Rede), além de boa parte dos independentes do PDT e PTB, mais uma vez negaram estribo ao governo Sartori para votar as propostas de duro ajuste fiscal.

Não votarão sequer o projeto que acaba com as imorais cedências pagas de funcionários públicos para sindicatos, que custam R$ 40 milhões por ano aos contribuintes.

A Assembléia está determinada a perpetuar a desgraça financeira estadual, inclusive atrasos brutais nos pagamentos de salários.]

Sem apoio da Assembléia, sequer será possível aderir ao Regime de Ajuste Fiscal dos Estados.

Deputados votam proposta que autoriza troca de dívidas ativas por precatórios

Assembleia Legislativa deve apreciar, na tarde desta terça-feira, dezessete das 47 propostas que compõem a pauta de votação desta semana. 

A votação terá início com a apreciação dos dois projetos de Executivo que tramitam em regime de urgência e cujo prazo para votação já estão vencidos. O mais importante é o projeto de lei (PL 124 2017), que estabelece requisitos para a compensação de débitos inscritos em dívida ativa de natureza tributária ou de outra natureza, com precatórios do Estado. CLIQUE AQUI pra conhecer.

Os demais projetos são quase todos de iniciativa parlamentar,.

Os deputados evitam de novo a votação das medidas de ajuste fiscal.

Temer vem aí com novos impostos

O governo Temer desenha novos aumentos de impostos.

Artigo, Tito Guarniere - Michel Temer vai cair

Às vezes me perguntam como eu escolho o tema do meu artigo semanal. Não tenho resposta pronta. A escolha pode recair sobre o assunto da hora, uma declaração de autoridade, uma estatística, um fato supérfluo. Assuntos nunca faltam, embora tenham perdido um pouco a graça depois que Dilma Rousseff deixou a presidência e ficamos nós todos, brasileiros, sem suas tiradas antológicas. Mas Dilma é carta fora do baralho e não dá para botar a pasta de dente de volta no dentifrício.

Um bom método é buscar a outra face da moeda corrente do noticiário. Você não precisa ser um colunista como João Pereira Coutinho, da Folha, ou como J. R. Guzzo, de Veja, mas ao menos, se for escrever, prefira uma abordagem original. Se é para escrever e concordar com o que todos estão dizendo, para que escrever? 

Nestes tempos de carne fraca, JBS, Batistas, Friboi, é preciso evitar a tentação de seguir a manada.

CLIQUE AQUI pra ler tudo.

Acaba de ser decretada intervenção federal na Eletroceee

A diretoria colegiada da Superintendência Nacional de Previdência Complementar acaba de decretar intervenção na Eletroceee, a Fundação de Seguro Social da CEEE.

O ato foi publicado no Diário Oficial da União.

A Previc considerou irregular a eleição do novo presidente do Conselho da Eletroceee, Marco Adiles, mas por trás de tudo está a rejeição do Conselho ao nome do novo conselheiro indicado pela CEEE, Moacir Grippa.

Avião de ex-senador boliviano pode ter sido sabotado

O avião pilotado pelo ex-senador Roger Pinto Molina pode ter sido alvo de sabotagem, segundo suspeitam seus aliados na Bolívia. A aeronave caiu logo após a decolagem.

Fernando Tibúrcio, advogado do ex-senador, afirmou ontem que as autoridades brasileiras deveriam estar atentas à hipótese de sabotagem. São conhecidos os métodos do “serviço secreto” de Evo Morales, e dos aliados de Cuba e Venezuela. As informações são do jornalista Claudio Humberto.

Líderes negam acordo e defendem mudar proposta da reforma política no Senado

Mesmo com prazo escasso para mudar a legislação eleitoral, a proposta de reforma política em discussão na Câmara deverá sofrer mudanças no Senado. Líderes de partidos consultados pelo jornal O Estado de S. Paulo, afirmam discordar de pontos já aprovados pela comissão especial e preveem alterações no texto, o que pode colocar em risco a votação antes de outubro, prazo necessário para que as novas regras sejam válidas no ano que vem.

A adoção do distritão como sistema eleitoral em disputas parlamentares e a criação de um fundo com dinheiro público para financiar campanhas são as principais polêmicas. Outros pontos, como a adoção de cláusula de desempenho para partidos e o fim das coligações nas disputas proporcionais, que já passaram pelo Senado, têm mais consenso.

Vendas do varejo sobem 0,8% no 2º trimestre ante o 1º trimestre

As vendas do comércio varejista cresceram 0,8% no segundo trimestre ante o primeiro trimestre de 2017, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Comércio divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado sucede um avanço de 3,7% registrado no primeiro trimestre ante o quarto trimestre de 2016.

No varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e material de construção, as vendas subiram 1,7% no segundo trimestre ante o primeiro trimestre do ano. Na passagem do quarto trimestre de 2016 para o primeiro trimestre de 2017, a alta tinha sido de 3,4%.

Vivo e Claro lideram ranking de reclamações no Procon em 2017

Em julho, as empresas de telefonia fixa, celular, banda larga e TV contabilizaram mais uma vez a maioria das reclamações do mês registradas no Procon Porto Alegre. Do total de 2.240 registros do mês, 22,45% foram queixas contra telefônicas.

Entre os grandes players de telecom, a Vivo/GVT foi a operadora que registrou o maior número de reclamações, com 9,46%. Em segundo lugar está o grupo Claro/NET/Embratel, com 8,39%. A TIM aparece em terceiro com 4,5% e a Oi segue em último lugar, como a companhia menos reclamada no Procon da capital, com 4,24%.

Desde dezembro de 2015, em comparação com julho de 2017, as reclamações sobre a Vivo cresceram 19,6%, sobre a Claro, 36%, sobre a TIM, 27,8% e apenas a Oi teve decréscimo no número de reclamações, com – 61,4%.

Confira no gráfico acima a evolução das reclamações de clientes sobre os grandes players de telecom desde dez/2015.

Delator diz que Caso RBS é um dos mais graves da Operação Zelotes

A Reuters distribuiu a informação para todo o mundo.

O ex-auditor da Receita Federal Paulo Roberto Cortez, primeiro investigado a fechar um acordo de delação premiada no âmbito da Operação Zelotes, afirmou que pode detalhar as informações sobre o julgamento pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) em relação ao grupo RBS, presidido por Eduardo Sirotsky. Ele está, ao lado do grupo Gerdau, entre os casos que há indícios mais fortes de eventuais irregularidades na Receita Federal. É o que aponta o Ministério Público no âmbito da operação Zelotes.

Até agora, a Polícia Federal acredita que ao menos 12 empresas negociaram ou pagaram propina para reduzir débitos com a Receita. Os 74 processos abertos na operação somam R$ 19 bilhões. Segundo a PF, "já foram, efetivamente, identificados prejuízos de quase R$ 6 bilhões".


A quadrilha fazia um “levantamento” dos grandes processos no Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais), procurava empresas com altos débitos junto ao Fisco e oferecia "facilidades", como anulação de multas. O esquema teria sido iniciado em 2005, mas começou a ser investigado pela PF em 2013.

Delator afirma que Gerdau pagou propina em processo de R$ 1,5 bi junto ao Carf. Ele também delatou a RBS.

André Gerdau, ao lado.

A Reuters informou há pouco que o ex-auditor da Receita Federal Paulo Roberto Cortez, primeiro investigado a fechar um acordo de delação premiada no âmbito da Operação Zelotes, afirmou que pode detalhar as informações sobre o julgamento pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) de casos relacionados a a processos envolvendo a Gerdau, RBS, Cimento Penha e Bank Boston.

Segundo Cortez, o grupo Gerdau teria subornado integrantes do colegiado para abater uma dívida de cerca de R$ 1,5 bilhão.

Ele garante ter provas também sobre propinas que teriam sido pagas por RBS e Bank Boston.

Moro acusa: "Gângsters governam o Brasil há 15 anos"

Ao falar esta manhã para a Rádio Joven Pan, o juiz Sérgio Moro comparou o Brasil de hoje à Geórgia de dez anos atrás, que, segundo ele, era governada por gângsters e disse que não será candidato em 2018:

- Em 2006, a Geórgia, ex-integrante da União Soviética, era um país governado por gângsters. Ocupava a 79ª posição no ranking da Transparência Internacional. Agora está na posição 44. O Brasil, coincidentemente, está na mesma posição da Geórgia de dez anos atrás. Quem sabe daqui a dez anos mostremos o mesmo avanço da Geórgia.

O juiz referiu-se à organização criminosa montada pelo PT e liderada por Lula e Dilma para saquear os cofres públicos, conforme ficou comprovado nos julgamentos do Mensalão e da Lava Jato, mas ele não poupou o governo atual, julgando-o extensão dos dois governos lulopetistas.

Collor será julgado hoje pelo STF. Acusação é de que usou propinas de R$ 29 mi para comprar carros de luxo.

Em troca de apoio, Lula e Dilma deixaram Collor arrombar os cofres da BR Distribuidora.

O ministro Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin decidiu manter para hoje o julgamento da denúncia apresentada no ano passado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra senador Fernando Collor (PTC-AL). O parlamentar pode virar réu nas investigações da Operação Lava Jato pelos crimes de peculato, corrupção e lavagem de dinheiro. A decisão do ministro ainda não foi divulgada.

A PGR acusa o parlamentar de receber R$ 29 milhões em propina pela suposta influência na BR Distribuidora.

A denúncia afirma que o senador comprou carros de luxo com o dinheiro da suposta propina. Entre os veículos estão um Lamborghini, avaliada em R$ 3,2 milhões; uma Ferrari (R$ 1,4 milhão), um Bentley, e duas Land Rover. Em julho de 2015, os carros de luxo foram apreendidos na residência particular do senador em Brasília, conhecida como Casa da Dinda.

Desde o surgimento das denúncias de corrupção, Collor nega recebimento de propina. Segundo o senador, as acusações são ilações e generalidades de delatores.